Acesso ao Fórum

Localizar

Localize produtos, embalagens e serviços:

Informações

Cadastre seu e-mail e receba informações sobre
produtos, orçamentos e postagens no forum.
Ou ligue no numero:

(61) 3354-9200

Banho com ar aquecido economiza até 30% de energia


Por Redação do Site Inovação Tecnológica

Pesquisadores da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG) desenvolveram uma técnica que não apenas reduz o consumo de energia elétrica do chuveiro, como também aumenta o conforto do banho. O método tem como fundamento aquecer não apenas a água do banho, mas também o ambiente do banheiro.

Banho com ar aquecido

Enquanto hoje somente a água do banho é aquecida, o método proposto pelos pesquisadores mineiros aquece também o ar em torno da pessoa. Com o aquecimento do ar ambiente, a temperatura da água requerida para um banho confortável é menor, exigindo menor potência do chuveiro e, portanto, consumindo menos energia elétrica.

Segundo os pesquisadores, o aquecimento do ar ambiente requer menos energia do que a energia economizada pelo chuveiro, gerando um balanço energético final positivo, com um ganho superior a 30%. A tecnologia pressupõe o fechamento total do box do banheiro, para que o ar quente não escape do seu interior.

Etapas do banho econômico

Com a nova tecnologia, um banho confortável teria três etapas.

  • Na etapa pré-banho, o usuário entra no box, fecha a porta e liga o sistema de aquecimento de ar, ajustando-o para uma temperatura à sua escolha - isso leva em torno de 1 minuto.
  • Na etapa do banho propriamente dito, após o ar ambiente já ter atingido a temperatura escolhida, o usuário abre a água e ajusta sua temperatura.
  • Finalmente, na etapa pós-banho, o box continuará aquecido pelo sistema de aquecimento de ar, eliminando aquela fase em que o usuário sente o impacto do rápido abaixamento de temperatura que ocorre quando o chuveiro é desligado. Nesse caso, ele ficará aquecido até se enxugar e poder se vestir.

"Em uma residência pequena com quatro moradores, o chuveiro elétrico pode responder por até 45% do consumo de energia elétrica durante os meses mais frios e por cerca de 30% no período mais quente do ano, quando a potência do chuveiro pode ser reduzida," explica o professor Marco Aurélio da Cunha Alves, idealizador do projeto.

"Em outras palavras, a economia de energia elétrica nos banhos, além de possuir variados benefícios para o meio ambiente, traz também economia financeira significativa ao consumidor, visto que pode reduzir bastante o valor da conta de luz no final do mês," completa ele. O ganho é suficiente para alimentar a geladeira da casa durante o mês inteiro.

Fazendo as contas

O professor Marco Aurélio mostra seus resultados em números muito precisos. Ele lembra que a pesquisa Procel, feita pela Eletrobrás, indica que o tempo médio do banho de um brasileiro é de 10 minutos. Os modelos mais populares de chuveiro elétrico usados no país têm potência mínima de 3.000 Watts, na posição "verão", e máxima de 4.500 W, na posição "inverno".

Considerando os 10 minutos de banho, isso significa um consumo de 0,50 kWh nos dias mais quentes e 0,75 kWh nos dias mais frios. A proposta do pesquisador é aquecer o ar para evitar que o usuário use a potência máxima do chuveiro.  "Supondo um box com as dimensões de 1,10 x 1,10 x 2,10 metros, para aquecer o ar contido no interior desse box, de 15ºC até 32ºC, será gasta a energia de 0,015 kWh," calcula ele.

"A economia de energia obtida com o banho com aquecimento do ar com relação ao banho convencional é: (0,75 - 0,515) kWh = 0,235 kWh. Em termos percentuais a economia é: (0,75 : 0,235 x 100)% = 31%," conclui Marco Aurélio. A Universidade já depositou o pedido de patente da tecnologia, e agora o pesquisador está conversando com parceiros da indústria para viabilizar sua colocação no mercado.



Esta notícia foi publicada em 16/07/2012 no sítio Inovação Tecnológica. Todas as informações nela contida são de responsabilidade do autor.

Read more http://www.quimica.seed.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=705

Previous Próximo
Sistema digital para tomografia com nêutrons é instalado no Ipen Por Elton Alisson - Agência FAPESP As técnicas convencionais de radiografia, como de raios-X e radiação gama, apresentam algumas limitações ... Leia mais
Consumo de sódio, que já é alto no país, cresce no inverno Por Redação Vida e SaúdeNesses três meses do ano é fundamental, portanto, mais do que em qualquer outra estação, verificar o teor de sódio n... Leia mais
Banho com ar aquecido economiza até 30% de energia Por Redação do Site Inovação TecnológicaPesquisadores da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG) desenvolveram uma técnica que não apenas ... Leia mais
Aparelho de análise química pode ser montado em escola Por Júlio Bernardes - jubern@usp.brUm equipamento para análises químicas desenvolvido na Escola de Engenharia de Lorena (EEL) da USP pode se... Leia mais
Lixo recebe toneladas de ouro e prata por ano Por Agência FAPESP O lixo eletrônico é um problema importante e também valioso. Segundo instituições ligadas à Organização das Nações Unidas... Leia mais
Processo de Seleção para o Mestrado em Educação Científica e Tecnológica na UFSC Por Site do PPGECTA Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica –PPGECT/UFSC – torna pública a abertura de... Leia mais
Medicamentos são produzidos com energia solar e CO2 Por Redação do Site Inovação TecnológicaQuímica finaO processo é uma espécie de fotossíntese artificial, que várias equipes estão tentando d... Leia mais
Cientistas desenvolvem borracha em pó a partir do látex sintético Por Agência FAPESP O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) está realizando um projeto para a obtenção de borracha em pó empregando a téc... Leia mais
Bateria que pode ser aplicada como tinta Por Agência FAPESPCientistas da Universidade Rice, nos Estados Unidos, desenvolveram um tipo de bateria que pode ser pintada na maioria das ... Leia mais
Privada ecológica produz fertilizantes, eletricidade e não gasta água Por Redação do Site Inovação Tecnológica Descarga sem águaA privada possui dois compartimentos, que separam os dejetos líquidos dos sólidos... Leia mais